Transdisciplinaridade

Não tenho bem uma definição de transdisciplinaridade. Tenho, isto sim, uma tentativa de demarcação do conceito.

Procuro comparar disciplinaridade com multidisciplinaridade, interdisciplinaridade e transdisciplinaridade. Não é fácil, porque o sentido dos três últimos termos se sobrepõe.

Disciplinaridade, naturalmente, é se ater, no tratamento de uma questão ou de um problema, dentro dos limites de uma disciplina (digamos, a física).

Multidisciplinaridade, no meu entender, é recorrer a mais de uma disciplinar para abordar uma questão ou um problema. Embora a questão ou o problema seja encarado do ponto de vista de mais de uma disciplina, os diferentes pontos de vista ficam, por assim dizer, justapostos, não são integrados.

Interdisciplinaridade, na minha maneira de ver, é tentar integrar, em uma abordagem mais complexa, os pontos de vista de múltiplas disciplinas em relação a uma questão ou a um problema. A interdisciplinaridade, portanto, é um passo além da multidisciplinaridade.

Transdisciplinaridade, por sua vez, é a tentativa de lidar com questões de um ponto de vista que totalmente transcende matizes disciplinares. Em vez de lidar com, digamos, a sexualidade a partir do ponto de vista da biologia, da psicologia, da literatura, da ética, etc., tentar lidar com a questão de uma forma que deliberadamente desconhece limites ou demarcações disciplinares.

Campinas, em 25 de outubro de 2005

  1. Caro Eduardo Chaves:

    Encontrei sua questão sobre inter e transdisciplinaridade quando estava buscando na Internet algum subsídio sobre o mesmo problema de nomenclatura que me assaltou…

    Suas respostas/conjecturas parecem corretas sob o meu ponto de vista. Talvez o que valha aclarar um pouco mais diga respeito ao diferencial entre transdiplinaridade e interdisciplinaridade.

    Se o conhecimento parece raramente “monodisciplinar”, a começar pelo fato de que seus objetos via de regra sejam intrinsecamente multidimensionais, a exemplo, a sexualidade, política, economia, etc., a interdisciplinaridade parece caracterizar essa “multidimensionalidade” do conhecimento no aspecto singular do que seja estar “combinado”.

    A transdisciplinaridade marcaria a possibilidade do conhecimento transcender uma única combinação de duas disciplinas, “genérica/singular”=interdisciplinar, para uma transcendência “genérica/múltipla” de mais de duas disciplinas…

    O que você opina?

    George Felipe

    Curtir

  2. Pingback: Os Views dos Meus Artigos Aqui, « Liberal Space: Blog de Eduardo Chaves

  3. Pingback: Top Posts of this Blog for all time ending 2014-04-14 with number of views « * * * In Defense of Freedom * * * Liberal Space

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: